Taurinos (eu) e a dificuldade de largar o osso…

large

Ai, viver é difícil demais! As vezes a vida é ótima, e os momentos felizes então… não precismos nem comentar né? Puta que pariu, tem coisa melhor?
Mas e quando aquele tédio não para de bater na sua cabeça, fica difícil né?

Eu sofro de inquietação constante ao mesmo tempo que o meu signo quer falar mais alto e negar qualquer mudança que possa estar a caminho, o que me causa um dilema maior ainda. Largar tudo o que me mantêm presa e viver pra mim ou ter a segurança que mantêm meu pé no chão?

Nos últimos anos, tenho sofrido a crise dos 20, quando você já não é tão nova, ja passou a adolescência , colegial e tudo mais, mas ainda não é adulta o suficiente, ou pelo menos, não se sente adulta o suficiente.

Comecei a trabalhar muito cedo, fiz várias coisas antes da faculdade, e quando me joguei pra fazer moda, no segundo semestre ja estava estagiando, parei, mudei de curso, estudei, viajei, e voltei a trabalhar, fiquei um ano aprendendo, fui efetivada, mas nada mudou em grande escala, se passou um ano, fiz algumas coisas novas, aprendi um pouco mais, e já tava me sentindo sufocada com o meu lugar no mundo, afinal, 2 anos e meio tinham se passado, eu tava formada, mas ainda estava no mesmo lugar. Resolvi mudar, queria fazer intercâmbio porque era um sonho antigo, mas sempre mantinha aquela voz que falava “se eu conseguir uma posição melhor, eu fico” “se eu mudar de área no trabalho,quem sabe…”

A típica sabotagem pra caso eu não passasse, porque ai eu teria uma desculpa, certo?
Quando eu enfim resolvi arriscar, senti um alivio, e se caso eu não passasse, e dai? Poderia tentar coisas novas e finalmente mudar… não foi tão difícil, só demorei mais que o normal pra tomar uma decisão.

Conheço os meus limites, mas também sei até onde posso ir, e parada no mesmo lugar, eu não ia nem me mexer. O tédio se tornou ansiedade, nervosismo, felicidade de estar num lugar desconhecido, sem saber o que ia acontecer.

Ainda estou esperando uma resposta, se vou pra NY estudar na faculdade dos meus sonhos, ou se vou ter que buscar coisas novas pra fazer, seja aqui, lá ou em qualquer outro lugar do mundo.

No meio do caminho, ouvi várias histórias, comentários, opiniões sobre a decisão que eu tava tomando, confesso que a maioria foi de apoio, mas vira e mexe tinha alguém falando que era arriscar demais, largar um trabalho, ir viver sozinha, mas ai gente, really?? Eu quero mais é ter história pra viver e pra contar, se der errado, eu sempre terei minha casa, minha família, meus amigos pra voltar. Isso são coisas que você não perde. E é melhor se arrepender por alguma coisa que você fez do que sofrer pelo que deixou passar né?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s