o pós guerra dos relacionamentos

pos3

Algum dia vc via ele e seu coração acelerava, seu estômago fazia um free-fall de 25 metros, seu sangue gelava, e seu cérebro parava de funcionar. Mas hoje em dia, seu rolo acabou. Seja namoro, ficante, ou peguete (to considerando só os níveis elevados da Escala Grossmann), toda aquela mágica (principalmente em namoros) evaporou, e agora você está livre leve e solta pra uma nova vítima na balada.

Mas ok. E o de antes? Como ficou? Enquanto eu estava não trabalhando e conversando com a minha querida e ~péssima~ amiga jéssica, a gente pensava sobre as relações que sobraram dos nossos antigos exclusivos. Talvez nem só os exclusivos, pra fins de aumento da amostra.

Eu, serviço de utilidade pública que sou, estou postando aqui todas as categorias que classificamos em alguns minutos. E outras que eu pensei agora. E conselhos sobre o que você pode e não pode fazer em cada categoria.

Amiguinhos: Tá bom, então o relacionamento não deu certo (por qualquer motivo que seja), e bom, acabou. Mas vocês não se odeiam e ele ainda sabe o que anda acontecendo na sua vida. Seja ter uma promoção no emprego, conseguir um intercâmbio, passar naquela matéria que ele sempre tinha que estudar quando você queria ir no cinema. Não tem aquele drama toda vez que você fica com saudade de falar com ele, você pode simplesmente mandar uma mensagem falando ‘e ai, como vc ta?’ e quando voces se encontram não fica aquele silêncio constrangedor. Tipo a Robin e o Ted, que continuaram no mesmo grupo de amigos, e se vendo todo dia!

Pode: Praticamente tudo. Basicamente como você está falando com um amigo, não tem motivo pra se restringir. Claro, é sempre bom ficar dentro da zona de conforto, mas “intimidade é uma bosta” e amizade leva à intimidade, então pode considerar a zona de conforto bem grande.

Não Pode: Já falei, é amizade. o que vc não faria com um amigo é o que é válido aqui, e claro, DRs nunca são uma boa ideia. E recaídas também não.

pos4

Quase Nos matamos e Agora Somos Educados: Esse é o típico ex-casal que é obrigado a se ver constantemente. Mas a relação não era tão harmônica assim, e agora que terminou então, só a pura pressão social faz com que os dois se aguentem.

Pode: Dar um oi seco sem nenhuma simpatia! Afinal… As vezes aquele sorrisinho amigo simplesmente não sai

Não Pode: Exagerar na intimidade, vai ficar forçado ami!

Vai-e-Volta: O casal feliz que não consegue se superar. Já namoraram, acabaram, voltaram, se traíram, acabaram de novo, viraram peguetes, bla bla bla whiskas sache. Drama, drama, drama. Mas aí você acabou de vez, e jurou pela sua mãe mortinha que nunca mais ia olhar na cara do desgraçado sem cérebro que já te machucou tanto nessa vida.

Pode: Ser educada, SEMPRE! O tratamento de gelo é até legal por um tempo, mas dá pra perceber bem que você se importa com o dito cujo quando você ignora ele de propósito. E você tem que mostrar que é mais forte!

Não Pode: pegar de novo, né. Nem invadir o facebook dele, mudar as fotos de perfil e cobertura pra fotos que ele esteja feio e postar coisas zuadas como se fosse ele (já vi acontecer). E também, não pode pegar o amigo de vingancinha.

pos5

Somebody That I Used to Know: O segundo mais fácil. Você não vê ele, não fala com ele, na maioria das vezes nem lembra dele a menos que alguma coisa muito óbvia aconteça e aí vc pensa ‘nossa, o Fulano ia gostar de ver isso…. Como será que ele tá?’ É fácil porque você esquece dele e de tudo que aconteceu, principalmente se você sofreu. Você pode superar sem a presença dele constante no seu dia-a-dia. Mas é dificil na hora que vc quer contar pro Fulano que lembrou dele, mas aí, como vc vai puxar assunto depois de todos esses anos…?

Eu, particularmente, sou muito a favor de manter a amizade com todos, a menos que alguma cois muito ruim tenha acontecido (por exemplo, traição realmente não dá pra manter a amizade), mas sério, até hoje eu não consigo entender como você simplesmente elimina da sua vida alguém que foi tão importante pra você durante algum tempo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s